Comportamento Brasileiro – Ética, respeito e corrupção

As relações humanas sempre tiveram conflitos, disputas, desentendimentos, invejas, traições, ganâncias e muitos outros tipos de atos e comportamentos que passam longe da harmonia, concórdia, fraternidade, amor, respeito e ética. Comportamentos que realçam o “ser melhor de todos a qualquer custo” encontram-se aos montes por aí, inclusive em pessoas que pregam a repugnância disso em outras pessoas. Muitas pessoas dizem que não se deve fazer algo porque é errado, mas elas próprias o fazem com a mais naturalidade possível. Um exemplo mais cabal disso é encontrado nas pessoas que dizem que os políticos são corruptos, mas fazem atos semelhantes ou até piores do que são evidenciados pelos políticos que praticam corrupção.

Muitas pessoas dizem que são contra quem pratica corrupção, mas fazem qualquer coisa para se livrar de uma multa quando são pegas em uma infração de trânsito. Como alguém sem problema físico ou sem ser velha que estaciona em lugar para idosos ou deficientes pode criticar os corruptos? Como alguém que oferece propina a agente público para fugir de uma multa pode criticar os corruptos? Como alguém que prejudica outras pessoas para ficar no lugar delas pode criticar os corruptos? Como alguém que não respeita os mais velhos, as crianças e as pessoas com necessidades especiais podem criticar os corruptos? Como alguém que dirigem sem respeitar as leis de trânsito pode criticar os corruptos? Como alguém que quer levar vantagem em tudo pode criticar os corruptos? Certamente lhes faltam credibilidade, ética e personalidade para criticar qualquer ato ilícito porque essa pessoa comporta-se como qualquer outro corrupto.

A luta de muitas pessoas probas, éticas, com moral e críveis pode ser em vão se o comportamento de boa parte da nossa sociedade se assemelha ao que é combatido. O desrespeito às pessoas é nítido e notório, encontra-se em todos os ambientes, em todos os locais, regiões e classes sociais. O combate a atos discriminatórios, antidemocráticos e aéticos é totalmente prejudicado por causa de muitos pensarem que somente eles tem razão, somente eles estão com a verdade. A grande maioria que praticam atos de corrupção, mas que se dizem contra a corrupção defendem-se dizendo que o que fazem não é corrupção. A verdade é que a grande maioria dos corruptos diz exatamente isso: que mão pratica corrupção.

Na nossa sociedade presenciamos práticas de desrespeitos que muitas vezes nos chocam ou nos deixam constrangidos ou revoltados. Muitos são desprovidos de espírito de irmandade, companheirismo, de solidariedade, de amor. Ao contrário, muitos querem destruir, deprimir, descriminar, ridicularizar, excluir quem não se enquadra no que querem ou não pensam como eles ou possam atrapalhar em alguma situação. O amor ao próximo é algo tão distante da nossa sociedade que podem até virar notícia quando isso ocorre. As pessoas estão distantes umas das outras, muitas vezes elas moram no mesmo prédio ou condomínio, mas nunca se falam, se cumprimentam. Na verdade, o comportamento de isolamento encontra-se até mesmo nas corporações. Será que isso é próprio da nossa sociedade?

As pessoas deveriam participar mais da vida dos outros no sentido de ajudar, se solidarizar com eventuais problemas, ter mais afinidades, respeitar mais e confiar mais. Ao mesmo tempo, deveriam ser mais éticas e agirem exatamente igual ao que pregam e combatem nas outras pessoas. Se todos fizessem assim teríamos uma vida muito melhor, com muito menos comportamentos deploráveis e a ética não seria tão maltratada como ocorre atualmente em nosso país. Que a paz, o amor, a vida, o respeito, a moral, o companheirismo e a solidariedade estejam sempre presentes no cotidiano de todas as pessoas fazendo de todos nós semelhantes também no comportamento. Isso ocorrer, a luta para termos um Brasil mais ética, respeitador e comprometido com o bem de todos se torna muito mais fácil. (Francisco Castro. Economista http://www.franciscocastro.com.br )

Fonte: Info Net

Artigos Relacionados:

Publicado na categoria: Blog do Cidadão Independente | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Efetue a operação abaixo: *