Confirmado: A Petrobras não é mais dos brasileiros.

por Fernando Di Lascio

Se você é daqueles que ainda acredita que a Petrobras é uma empresa estatal, ou seja, pertencente à nação brasileira politicamente organizada, acorde, você está sonhando!

A Petrobras de hoje, sob o comando de José Sérgio Gabrielli, trabalha apenas para satisfazer os interesses dos seus funcionários e dos seus acionistas corporativos e despreza de modo escancarado o interesse e a inteligência do povo brasileiro.

Prova disso nos deu hoje em entrevista à Rede Globo o próprio Gabrielli que afirmou com a maior cara de pau que a capacidade das refinarias brasileiras para produzir gasolina está no limite e por isso a gasolina vai ter que custar mais caro.

Ora, onde foram parar os R$ 35 Bilhões que a Petrobras lucrou em 2010? Porque esse dissimulado energúmeno ao invés de dizer que não conseguimos fabricar mais gasolina, não vem a público explicar aos brasileiros do Brasil do Pré-Sal, da produção auto-suficiente, da condição de exportador de petróleo e produtor de gasolina mais barata para os bolivianos do que para os brasileiros, porque dentro daquele magnânimo cabide de empregos que dirige não havia ninguém responsável em planejar a produção de gasolina relativamente à curva do crescimento do consumo.

Talvez para não confessar que não se trata de incapacidade de produção e sim de incapacidade pessoal para gerir um planejamento adequado ao crescimento da demanda do povo e, também, para não confessar que está interessado apenas em aumentar os lucros dos acionistas corporativos e dos valores pagos em benesses aos seus colegas e funcionários, tudo com o dinheiro do povo.

Caso contrário teria se empenhado em determinar a construção de refinarias ou ampliação da capacidade de produção de duas ou três delas, teria investido mais na logística da distribuição e assim não deixaria o povo brasileiro de fora da distribuição dos R$ 35 bilhões que a empresa lucrou no ano passado.

Mas não, agora ao invés de descontos ou dividendos, o povo terá que ser penalizado com um novo aumento dos preços dos combustíveis e, consequentemente, com aumento do custo de vida.

E o Gabrielli não vai nos explicar mais nada porque do alto do pedestal onde o Lula o colocou, ele acha que não nos deve explicações uma vez que, para ele, o petróleo brasileiro não é “nosso” e a Petrobras não pertence aos brasileiros porque o Brasil não é dos brasileiros, é deles.

Presidenta Dilma, por obséquio, destitua esse mentecapto incompetente e insubmisso que mal versou recursos públicos dirigindo-os a interesses outros que não os interesses do chefe dele e também seu, o povo brasileiro. Mas se não pretender ou não puder fazê-lo, que venha a senhora mesmo à planície nos explicar porque é que não podemos produzir mais gasolina com o dinheiro do lucro da Petrobras.

 

 

 

Artigos Relacionados:

Publicado na categoria: Blog do Cidadão Independente | Com a tag , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Efetue a operação abaixo: *