O sétimo Ministro a cair pela corrupção tem que ser o da CGU

 

Não por ser corrupto, mas por ser notoriamente incompetente para comandar o Ministério da luta contra a corrupção no Brasil. Se não, vejamos.

Em casos recentes, como consequência das denuncias publicadas na imprensa, a presidenta Dilma foi compelida a demitir seis Ministros, colegas dele, envolvidos direta, ou indiretamente, em comprovados casos de corrupção.

Assim, devemos supor que nem o Ministro Jorge Hage, nem ninguém da sua assessoria, sabiam de nada do que estava acontecendo nos Ministérios da Agricultura, Transportes, Cultura e etc.. Caso contrário seria pior, qual seja, haveríamos de supor que ele e seus assessores sabiam, mas resolveram se calar para proteger colegas de Governo.

Portanto o Ministro da Controladoria Geral da União, Jorge Hage, não está enxergando o que é pago para ver, ou na pior das hipóteses, não está apurando o que deveria apurar e denunciar à Justiça, e não foi só nestes, mas em tantos outros casos que surgiram e desapareceram desde que ele assumiu a Controladoria Geral da União, há quase dez anos.

Fato é que de lá para cá, na percepção geral, a corrupção só cresceu no Brasil.

Portanto, vamos acabar com essa farsa de Governo fingindo fazer combate à corrupção. Chega de sorver dinheiro dos cofres públicos com salários e mordomias sem mostrar resultado.

FORA HAGE

Artigos Relacionados:

Publicado na categoria: Blog do Cidadão Independente | Com a tag , , , , , | 2 Comentários

2 respostas a O sétimo Ministro a cair pela corrupção tem que ser o da CGU

  1. Karlos Bungenstab disse:

    Sou totalmente contra essa postura e olhe que sou um dos organizadores de marcha contra corrupção. O Jorge Hage é um cara competente sim e muito ativo. Inclusive foi responsável pelo sistema que verificou inúmeros casos de corrupção em municípios, inclusive de responsabilidade do próprio PT. Ele é um dos poucos do governo que apoiam a marcha contra corrupção. Apoia amplamente a Ficha Limpa, inclusive sua extensão além de ser o responsável por esse processo a nível executivo: http://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/instituto-millenium/2011/10/28/poder-executivo-incorpora-lei-da-ficha-limpa-na-nomeacao-de-seus-representantes/

    Olhe use o google e veja o resto. Essa acusação aqui é uma dedução ridícula, sem sentido. Feita por uma pessoa desinformada!

  2. fdl disse:

    Prezado Karlos,
    Caso você não se dê conta do que é hoje a percepção pública sobre a amplitude da corrupção no Brasil, quem está desinformado é você.
    E se você for analisar nos últimos dez anos os índices apurados por organizações fidedignas, como a Transparência Internacional, você poderá verificar que durante a gestão Hage de combate à corrupção, a corrupção só cresceu no Brasil. Logo, Hage perdeu. E nós com ele.
    Por isso, não há outro caminho, se não > FORA HAGE !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Efetue a operação abaixo: *