‘Não dá mais para engolir’, diz Andreas Kisser sobre corrupção no Brasil

Andreas Kisser não está satisfeito com o panorama político do Brasil. O Guitarrista do Sepultura, banda que teve grande destaque em duas apresentações no Rock in Rio 2013, deu entrevista ao SRZD e comparou a insatisfação popular com outro momento do país, quando em 1992 os jovens foram às ruas protestar contra o presidente Fernando Collor.

“A grande diferença da época do Collor é que foi uma coisa direcionada pela mídia, aquele medo do PT. Mas agora não dá mais para engolir, é muito absurdo. Assassino andando pela rua, político corrupto recebendo apoio do Senado e do Congresso. E ainda tem que chamar esses caras de ‘Vossa Excelência’. Saiu tudo de sentido”, disse, pedindo maior participação dos cidadãos na política. “Acho que o brasileiro tem que se conscientizar que agora é o lance do voto”, destacou.

Para Kisser, o momento também não é bom no futebol. Torcedor do São Paulo, que escapou recentemente da zona do rebaixamento no Brasileirão, o artista comentou a troca de comando com a volta de Muricy Ramalho como técnico. “Agora está melhorando, Muricy é de casa, um dos maiores mestres do futebol brasileiro. O pior já passou, e o são Paulo pega um pique para pelo menos não cair”, analisou.

Fonte: SRZD

Artigos Relacionados:

Publicado na categoria: Notícias | Com a tag , , , , , , , | Faça seu Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Efetue a operação abaixo: *